Operação policial destrói 6,8 mil pés de maconha no povoado de Ibiraba

Operação policial destrói 6,8 mil pés de maconha no povoado de Ibiraba

Uma operação da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) destruiu 6,8 mil pés de maconha no povoado de Ibiraba, município de Barra, Velho Chico, neste domingo (31).

Segundo a polícia, os oficiais chegaram à plantação através de uma denúncia anônima. As plantas eram irrigadas através de baldes com captação de água feita em lagoas formadas com a vazante do Rio São Francisco.

Ninguém foi preso durante a ação que integrou a operação batizada de "Terra Limpa", e realizada na zona rural de Barra. Ainda de acordo com a polícia, 159.819 mil pés da droga foram erradicados na região até o último domingo.

Jovem que planejou morte de divulgador da Telexfree é presa após se entregar a polícia

Jovem que planejou morte de divulgador da Telexfree é presa após se entregar a polícia

Daiane de Oliveira Dias, de 20 anos, que confessou ter planejado a morte do divulgador da Telexfree e pré-candidato a prefeito de Serra Preta, Dorian da Silva Santos, se apresentou à polícia com o advogado na tarde desta segunda-feira (1°) em Feira de Santana.

Em entrevista ao portal G1, o titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Portal do Sertão, delegado Gustavo Coutinho, afirmou que ela Daiane será encaminhada para o presídio do município ainda nesta segunda.

A mulher confessou o crime em depoimento à polícia em 21 de julho, mas foi liberada no mesmo dia por não ter ocorrido flagrante ou existir mandato de prisão contra ela. Segundo a polícia, Daiane tinha um relacionamento extraconjugal (leia mais) com a vítima desde seus 15 anos. Dois homens que participaram do crime seguem presos desde o dia 20 de julho, após realizarem uma série de assaltos usando o veículo Toyota/SW4 pertencente à vítima

Feira: Seguranças do Shopping Boulevard são denunciados à polícia por espancamento

Feira: Seguranças do Shopping Boulevard são denunciados à polícia por espancamento

Dois seguranças do Boulevard Shopping, em Feira de Santana, foram denunciados nesse domingo (31) à Polícia Civil pelo espancamento do Web Designe Milton da Silva França Júnior, de 23 anos.

De acordo com informações do programa Acorda Cidade, o episódio aconteceu na noite do último sábado (30) após uma discursão. "Nós fomos abordados assim que entramos no shopping. Tinham dois seguranças à paisana que ficaram observando a gente da cabeça aos pés, como se fossemos vagabundos”, conta William Santana, que acompanhava França. Ainda de acordo com o amigo da vítima, os seguranças retiraram a dupla do local ao verificar que eles comentavam a situação. “Conseguimos contornar a discussão e retornar para o shopping.


Passamos 15 minutos dentro do shopping após sair pelo mesmo caminho que entramos. Os mesmos dois seguranças voltaram a nos agredir verbalmente, e nos seguiram até a saída. Próximo à saída, antes da grade, eles nos agrediram fisicamente", relata. Após ser agredido, Milton foi encaminhado para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), onde segue internado em coma na UTI. Ainda de acordo com a publicação, uma queixa foi registrada no Complexo Policial do Sobradinho, e o caso será investigado pela 2ª Delegacia Territorial do município. "Já estamos tomando as providencias cabíveis.

Estivemos na delegacia, prestamos queixa, conseguimos o boletim médico. Já estou com três advogados para entrar com um processo contra os seguranças e o shopping", explicou o pai do jovem, Milton da Silva França. Através de nota, o Boulevard Shopping informou que prestou os primeiros socorros a vítima e acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para dar prosseguimento ao atendimento. “A administração do empreendimento está colaborando com as investigações policiais. Informamos ainda que nossa equipe de funcionários trabalha fardada e devidamente identificada”, salientou.
Porto Seguro: Psol oficializa candidatura de Chico Cancela à prefeito e aliança com Rede

Porto Seguro: Psol oficializa candidatura de Chico Cancela à prefeito e aliança com Rede

O Psol homologou a candidatura do professor Chico Cancela a prefeitura de Porto Seguro, Costa do Descobrimento, nas eleições municipais do próximo mês de outubro. Durante convenção realizada no último sábado (30), também foi aprovada uma coligação entre a legenda e a Rede Sustentabilidade, que indicou Heitor Siqueira para compor a chapa como vice-prefeito. "Não será uma tarefa fácil. Enfrentaremos o poder econômico, a cultura do clientelismo e a prática da troca de favores. Mas vamos mostrar que é possível fazer política com ética, coerência e projeto de mudança", prometeu Cancela.

Amargosa: Polícia prende acusado de tentativa de homicídio

Amargosa: Polícia prende acusado de tentativa de homicídio

Investigadores da Delegacia Territorial de Amargosa, Vale do Jiquiriça, cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Vinícius Resende Santos, de 21 anos, nesta segunda-feira (1º). De acordo com informações da polícia civil, o jovem é acusado de tentar assassinar Yuri Santos Oliveira, 20, no dia 26 de março. O delegado titular da unidade, Adilson Bezerra, explica que Vinícius permaneceu atacou a vítima com um facão, golpeando-o nos joelhos, cabeça, braços, costas e tórax. Segundo o delegado, a vítima só sobreviveu porque Vinícius fugiu ao perceber a aproximação de um grupo de fiéis que acabara de deixar o culto, num templo evangélico próximo ao local do ataque. Foram eles que acionaram a ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que socorreu Yuri ao Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, onde permanece internado. A motivação do crime está sendo investigada. Vinícius, que não tem antecedentes criminais, mas é suspeito de integrar uma quadrilha de traficantes que age no município. Ele será encaminhado ao presídio de Valença.

Cão Farejador detecta 300g de haxixe enviado por Sedex

Cão Farejador detecta 300g de haxixe enviado por Sedex

A Polícia Militar de Feira de Santana, Portal do Sertão, contou com a ajuda de um cão farejador para encontrar drogas dentro de um pacote enviado via Sedex. De acordo com o site Acorda Cidade, a correspondência entregue no condomínio Princesa do Sertão, na última segunda-feira (18), com o nome de um destinatário falso, continha 300g de haxixe. “A guarnição foi solicitada pelo condomínio, pois o pessoal achou um odor estranho em uma correspondência e o capitão Ricardo foi até o local com a cadela. Ela apontou positivamente para a presença de drogas”, conta o Capitão da PM, Major Atila. Segundo a polícia, o proprietário do endereço na encomenda, identificado como Leonardo Ataíde Oliveira, confirmou o conteúdo da caixa, que estava envolvido em chocolate. Com Oliveira ainda foram encontrados 103 adesivos de LSD, 171 comprimidos de ecstasy, R$ 2.484,00, balança digital, anotações com contabilidade e embalagens. O material foi apreendido e encaminhado para a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE).

Vacina contra HIV será testada em 5.400 pessoas na África do Sul

Vacina contra HIV será testada em 5.400 pessoas na África do Sul

Os testes de uma nova vacina contra o HIV (sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana, causador da Aids) vão começar este ano na África do Sul, depois de ensaios preliminares em 2015 terem mostrado resultados promissores.

A vacina experimental veio depois de um medicamento similar, chamado RV144, ter sido testado na Tailândia em 2009. Este foi o primeiro sucesso depois de anos de tentativas para criar uma vacina. Um ano após os testes de 2009, a eficácia da RV144 foi avaliada com 60%. No entanto, após três anos e meio de vacinação, a eficácia caiu para cerca de 31%.

A vacina anterior foi modificada para aumentar a resposta imunitária do organismo. Os pesquisadores também a modificaram para lidar com uma estirpe do HIV endêmico ao continente africano.

Cerca de 250 pessoas participaram do teste preliminar de HVTN100 em 2015. Neste ano, a vacina será testada em 5.400 pessoas, em quatro cidades na África do Sul, e continuará por três anos.

“Esperamos que este possa ser o primeiro regime de vacinação oficial no mundo”, declarou hoje (20) Gail Bekker, vice-diretor do Centro de HIV, e presidente eleito da Sociedade Internacional de HIV. “Vamos ter uma vacina para combater [a epidemia de HIV]”.

Os pesquisadores advertem, no entanto, que uma vacina por si só não será suficiente para fornecer proteção contra a doença, sendo necessário manter as medidas existentes, incluindo prevenção, tratamento e intervenção social.